BEM VINDO!!!

Olá,

Aqui no Lugar da Fala você encontra dicas, textos e outras informações para se comunicar bem.

Comunique-se e seja bem vindo!!!


Já viu os e-books que escrevi para você? Clique abaixo!

Já viu os e-books que escrevi para você? Clique abaixo!
E-books exclusivos
Está gostando deste blog?
Deixe seu comentário e vote na classificação dos textos!
É só um clique: contribua, assim, para a escolha dos próximos assuntos a serem publicados.
O Lugar da Fala é feito para compartilhar temas de comunicação.
Obrigada, mais uma vez, por sua visita!

Queridos leitores, pretendo lançar outros e-books. Me digam sobre o que gostariam de saber mais:

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Meu filho ainda não fala o “r”


Muitas famílias têm este questionamento sobre o limiar de idade em que as crianças devem falar corretamente. Mas seres humanos variam em seu desenvolvimento e tudo o que podemos prever são alguns períodos esperados, mesmo assim, muito variável para cada caso.
Daí cabe à família a escolha: buscar ajuda e evitar tratamentos tardios (que possivelmente serão mais demorados) e inibição da criança na hora da fala ou aguardar a melhora espontânea (sem previsão de quando acontecerá a superação da dificuldade). Alguns superam sozinhos e distorcem o som que têm dificuldade - você já deve ter ouvido alguns adultos falando de forma estranha.
Então, em geral, por volta de 3 anos e 6 meses a 4 anos já tenho visto a maioria das crianças conseguindo falar com um padrão semelhante ao do adulto, isto é, a fala já contém todos os sons da fala, inclusive o “r” que geralmente é um dos últimos fonemas a ser adquirido em seu desenvolvimento.
Isto não significa que esta idade é limite, mas só é possível compreender a extensão do problema (se houver) diante dos resultados da avaliação fonoaudiológica.

8 comentários:

Angela disse...

Olá, andei lendo alguma postagens, e suas respostas. E minha duvida seria mesmo se já esta na hora de levar meu filho à fono.
Ele esta com 4 anos e meio, e nao consegue pronunciar o "r" entre as consoantes.
Ex; BrENO que é o nome dele, ele diz BENO
BrASIL = BASIL;
TrEM = TEM;
PrOFESSORA = POFESSORA
Além das orientações postadas, há alguma outra sugestao para esse probleminha?
grata

Fonoaudióloga Kátia Bianchi disse...

Oi Angela
Basicamente as orientações estão todas aqui no blog.
Se você observa que ele não está conseguindo, marque uma consulta fonoaudiológica, ok?
Um abraço

viviane disse...

olá meu filho tem 2 anos e 4 meses e ainda naum fala só gesticula e murmura uns sons,estou muito preocupada já levei ele na pediatra mais ela disse ke isso é normal ke ele ainda não precisa de fono,poisele ouve bem ,td ke pede pra ele só falando o nome do objeto sem mostrar ou apontar ,ele sabe .então ela disse ke ele ouvi muito bem ,que pode demorar assim mesmo algumas crianças pra fala,mais estou apreensiva pois meus outros filhos na idade dele falavan de tudo oke deve fazer?

Fonoaudióloga Kátia Bianchi disse...

Oi Viviane
Vejo que a sua inteligência de mãe lhe diz que algo está errado. Marque uma avaliação fonoaudiológica para seu filho.
Como será que um pediatra sabe se uma criança vai ou não melhorar? Se seu filho apresenta sintomas médicos e você não vai ao médico, os médicos concordam com isso? Pois eu recomendo que você siga, sim, a sua inteligência de mãe e busque a ajuda adequada (uma consulta fonoaudiológica). Pela idade ser pouca, seu filho recuperará o tempinho de atraso de fala com muito mais facilidade do que se esperar para levá-lo com 8 ou 9 anos.
Um abraço e obrigada pela visita ao blog.

Mãe a procura de ajuda. disse...

Olá bom dia. Meu filho tem15 anos e problemas em se expressar em público atualmente na escola os professores tem a visão de uma pessoa retraído e eu não sei o que posso fazer para resolver. Quero muito poder ajudar mas ele se mantém da mesma maneira , passei com neurologista,fino mas nada mudou exames foram feitos e se mantém tudo igual espero que possa me ajudar obrigada.

Lugar da Fala - Fga Kátia disse...

Olá,
Infelizmente não posso ajudá-la, sem conhecer o caso mais a fundo. É natural que adolescentes não queiram se expor, mas se isso está interferindo na vida de seu filho, é necessário marcar uma avaliação fonoaudiológica para verificar eventuais dificuldades que estejam dificultando sua conduta como falante.
Obrigada pelo comentário e tenham uma boa consulta!

Antônio Cláudio Ribeiro disse...

Olá. ..Estou preocupada meu filho não está falando o "r"em algumas palavras,Como devo ajudar? Ele tem 5 anos

Lugar da Fala - Fga Kátia disse...

Bom dia,
Procure aqui no blog, a sessão "como os pais podem ajudar" e também há disponibilidade de baixar os e-books com dicas valiosas.
Bom trabalho!

Quem esteve aqui este mês